Notícias

Concreto Armado: O que é? Quais vantagens e desvantagens?

Concreto Armado: O que é? Quais vantagens e desvantagens?

A primeira utilização do concreto armado partiu das mãos de Lambot em 1849, o francês criou um barco usando telas finas de aço cobertas com argamassa, na época não fez muito sucesso, mas deu início a uma série de estudos que transformaram a forma como construímos hoje.

Quando misturamos cimento, água, areia e brita em proporções desejáveis, damos vida ao concreto, um material que pode ser facilmente moldado, e quando endurecido, apresenta grande eficiência aos esforços de compressão. Por conta do fácil manuseio, o concreto revolucionou a construção civil, permitindo a construção de grandes estruturas que podiam ser facilmente moldadas no próprio local, no entanto, apesar das características favoráveis aos esforços de compressão, o mesmo não resiste bem aos esforços de tração, a resistência a tração é cerca de 10% da resistência a compressão. Este é um problema que limita seu uso, pois em elementos fletidos (vigas) por exemplo, podemos ter esforços de tração e compressão agindo na mesma seção transversal. 

Para melhorar o desempenho dos elementos estruturais de concreto, adicionamos aço na região tracionada, a armadura de aço tem a função de auxiliar o comportamento da estrutura, uma vez que, o aço suporta muito bem aos esforços de tração. O união do concreto com o aço cria um novo elemento, que chamamos de concreto armado, este por sua vez, tem a resistência a compressão do concreto e a resistência a tração do aço, um material excelente, com vasta aplicação na construção civil. 

O aço presente no concreto é chamado de armadura passiva, pois, ela só é solicitada quando há esforços atuando no elemento, diferentemente do concreto protendido, onde o aço é pré-alongado (armadura ativa). A qualidade do aço dificilmente é questionada, pois seu processo industrial garante que ele tenha as propriedades especificadas pelo fornecedor, no entanto, o concreto feito em obra é bastante suscetível a falhas devido a uma série de fatores, portanto, recomenda-se o uso de concreto usinado para evitar problemas com as propriedades do concreto armado. 

O que garante as propriedades do concreto armado, além da qualidade dos materiais envolvidos, é a perfeita aderência entre o aço e o concreto, os dois materiais tem propriedades que favorecem seu comportamento monolítico, por exemplo, os coeficientes de dilatação térmica são muito próximos, desta forma, o concreto e o aço tem encurtamento e alongamento semelhante. 

 

Concreto Armado: Vantagens e Desvantagens

 

Uma das vantagens do concreto armado é a facilidade em se executar os elementos estruturais no local da obra, estruturas robustas podem ser criadas com diferentes formatos sem muita dificuldade com o uso de formas e escoras. Outras vantagens importantes são: 

  • Alta disponibilidade de mão de obra;
  • Processo construtivo bem difundido no Brasil;
  • Alta durabilidade;
  • Resistencia ao fogo, choques e vibrações.

 

Existem algumas desvantagens no uso do concreto armado que podemos citar, como por exemplo, o peso dos elementos estruturais. Como o concreto não resiste aos esforços de tração, esses esforços são basicamente resistidos pelo aço, desta forma, o concreto nesta região tem a função de proteger a armadura de agentes agressivos presentes no meio ambiente, e garantir a aderência entre o elemento de concreto e o aço somente.

Outras desvantagens que podemos citar são: 

  • Por conta do processo construtivo ser muitas vezes manual, os elementos estruturais costumam apresentar patologias;
  • Fissuração na região tracionada;
  • Depois de endurecido, é difícil fazer mudanças na estrutura.

 

loader pagina